Quatro locais incríveis para Trekking no Brasil

Quatro locais incríveis para Trekking no Brasil

Publicado em 11 de setembro de 2015 por SPOT Brasil

Você já fez ou costuma fazer trekking? Pensando bem, você sabe o que é trekking? De origem sul africana, a palavra trekking significa viajar em cima de um carro de boi. É que, no século XIX, na África do Sul, os bôeres migraram da sua colônia, que hoje é a Cidade do Cabo, e foram em direção ao norte e ao nordeste do país. Esse evento ficou conhecido como Groot trek (great trek). A palavra foi emprestada pelos ingleses para designar viagem a pé por áreas remotas.

Groot Trekk Great Trekking

Pintura de travessia em carros de boi na África do Sul

 

Ou seja, trekking é nada mais nada menos que viajar a pé por uma certa distância, em locais pouco explorados, levando consigo um equipamento de camping. No Brasil, muitos chamam de trilha. Nos EUA, de backpacking. Mas, seja trekking, trilha ou backpacking, o que vale mesmo é o contato com a natureza, desconectados de tudo que nos faça lembrar a rotina das grandes cidades. O Brasil, com suas enormes áreas naturais, é um país perfeito para a prática de trekking. Por isso selecionamos alguns dos melhores destinos para você se aventurar por aqui mesmo, em terras tupiniquins. Vamos a eles:

 

Vale do Pati – Chapada Diamantina

O_imponente_vale_do_pati

 

Cenários incríveis e trilhas perfeitas, assim é a Chapada Diamantina, mais precisamente no Vale do Pati. O trekking por lá é indicado para quem procura um desafio completo, que combina contato com a natureza, atividade física e bem-estar.

 

A trilha do Vale do Pati fica no coração do Parque Nacional da Chapada Diamantina, entre os municípios de Andaraí e Muçugê, interior da Bahia, com trajetos que variam de acordo com a quantidade de dias que você tem disponível, e o nível das dificuldades que quer enfrentar. O trekking mais procurado é um percurso de cinco dias entre subidas, descidas, cachoeiras e rios. São cerca de 80 km para quem tem fôlego, preparo físico e vontade de conhecer este pedaço de paraíso brasileiro.

 

 

 

Aparados da Serra

Parque Nacional de Aparados da Serra

 

Localizado nas Serra Geral, fronteira entre Santa Catarina e Rio Grande do Sul, o Parque Nacional de Aparados da Serra possui uma das mais belas paisagens da América do Sul, principalmente por causa dos surpreendentes Cânions. Seu grande atrativo é que é possível praticar trekking tanto no topo dos Cânions como no interior deles.

 

Nas trilhas mais desafiadoras, o aventureiro pode encarar até cinco dias de caminhada que passa por matas fechadas, campos abertos, descidas e subidas que exigem coragem e muito preparo físico. E tem mais, com um pouco de sorte ainda é possível encontrar animais silvestres pelo caminho, como famílias de Guaxinins.

 

 

Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros Parque-Nacional-da Chapada dos Veadeiros

Um dos patrimônios naturais do Brasil, a Chapada dos Veadeiros também é um ótimo destino para trekking. Localizada a apenas 230 quilômetros de Brasília, ela guarda várias surpresas para você que é amante de atividades físicas e do meio ambiente. Estar em contato com a natureza na Chapada dos Veadeiros é uma experiência única.

 

Lá é possível escolher entre algumas opções de trajeto, como a trilha dos Saltos, com aproximadamente 10 km (ida e volta), ou a trilha dos Cânions. Já para os mais aventureiros, a Trilha das Sete Quedas é um desafio e tanto. São 23 km entre vilarejos, rios, cachoeiras, campos abertos e áreas para camping. Além disso, algumas cachoeiras, rios e piscinas naturais, com águas cristalinas!

 

 

Monte Roraima

Monte Roraima

Nossa última recomendação é mundialmente conhecida como o melhor lugar para trekking no Brasil! O Monte Roraima fica na fronteira entre três países: Brasil, Guiana e Venezuela. Nesta região, os praticantes de trekking têm a oportunidade de encarar trilhas incríveis aos pés de montanhas sem igual.

 

O percurso do trekking normalmente é feito em oito dias, onde o viajante tem a oportunidade de encarar subidas e descidas com níveis variados de dificuldade e algumas paradas extraordinárias, como o Rio Tek e o Lago Gladys. A melhor época para encarar o trekking no Monte Roraima é entre outubro e abril, devido ao menor índice de chuvas.

 

 

 

E você, já fez ou costuma fazer trekking em algum lugar diferente dos citados? Conte a sua experiência aqui nos comentários!


DEIXE UM COMENTÁRIO

Monte Kilimanjaro e suas reflexões

De Creta para Sicília: a travessia mais longa