A Serra da Mantiqueira é uma cadeia de montanhas com aproximadamente 500 km de extensão, que se estende pelos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Formada por trechos de Mata Atlântica, de Araucárias e, ainda, vegetação de altitude, abriga uma fauna e uma flora riquíssimas, de vital importância para o abastecimento hídrico dos estados à sua volta. Um estudo recente feito pela International Union for Conservation of Nature (IUCN), classificou a Mantiqueira como o 8º local de área protegida mais insubstituível do planeta, pela revista americana Science.

 

Com altitudes que ficam na faixa de 1.200 a 2.800 metros, é um dos parques de diversões do montanhismo brasileiro. Durante a temporada de montanha, seus picos recebem diversos turistas e montanhistas de todas as regiões do Brasil para curtir o que a montanha tem de melhor. Mas será que estamos merecendo desfrutar disso tudo?

 

Além dos problemas causados pela exploração comercial da serra, a Mantiqueira vem sofrendo dia após dia com outro problema que não deixa de ser grave – a falta de educação ambiental de quem percorre seus caminhos. As trilhas da Mantiqueira estão ficando cheias de lixos e fezes humanas em toda parte, inclusive próximo a nascentes de rios. Durante os feriados prolongados, esse problema se agrava ainda mais devido a quantidade de pessoas que sobem para fazer as trilhas e travessias. O rastro que elas deixam destoa completamente com a beleza daquele lugar.

Mutirões de limpeza tem sido feitos para minimizar esse impacto sobre a natureza. Em um deles, apenas no trecho do Capim Amarelo, na Serra Fina, foram retirados 4 quilos de lixo. Isso mesmo, você não leu errado: foram 4 quilos de lixo e cerca de 90% disso só de papel higiênico.

 

lixo mantiqueira

Lixo encontrado nas trilhas da Mantiqueira | Foto: Guto Nunes

 

Os mutirões de limpeza apenas minimizam o problema e de forma provisória. Caso nada seja feito, como um trabalho de base, de conscientização dos usuários da montanha, será um ciclo sem fim e com consequências graves.

Pensando um pouco nisso, hoje existe um grupo de pessoas que amam essas montanhas e querem fazer algo para protegê-las com um projeto denominado “Mantiqueira Limpa e Ordenada”. Com apoio da APA Serra da Mantiqueira, o intuito é efetuar pequenas ações visando conscientizar quem pretende fazer as trilhas da Mantiqueira.

 

mantiqueira limpeza serra tarso fe no pe

Pico dos Marins | Foto: Gabriel Tarso

 

As primeiras ações ocorreram no feriado de Corpus Christi, com a instalação de banners informativos nas principais entradas das trilhas do Pico dos Marins, Pico do Itaguaré e Serra Fina. Os próximos passos são sinalizar pontos importantes dessas trilhas, como áreas de camping corretas para que não sejam abertas novas formas desordenadas, informação de pontos de água para proteger onde captamos nossa água e até mesmo sinalização da trilha para evitar a criação de novos caminhos.

 

Tudo isso é um longo caminho de sinalização e conscientização, todo esse trabalho é feito para proteger a Serra da Mantiqueira, para que possamos desfrutar dessa beleza por muitos e muitos anos e depende de cada um que passa por essas trilhas.

 

Você que pretende estar na natureza, não só na Mantiqueira, mas em qualquer lugar do Brasil e do mundo, lembre-se sempre de adotar condutas de mínimo impacto ao meio ambiente. Siga os seguintes passos:

  • Leve todo seu lixo com você;
  • Leve seu cocô embora e não deixe suas fezes próximo aos cursos d’água. Caso não seja possível enterre-o. Programe-se melhor para essa questão nas próximas trilhas;
  • Evite fazer fogueiras;
  • Não abra novas áreas de acampamento. Caso não encontre vaga, siga até o próximo ponto conhecido;
  • Mantenha-se sempre na trilha principal, não abra novos caminhos.

Os montanhistas, que estão frequentemente nessas montanhas, agradecem sua educação ambiental de deixá-las limpas! E a Mantiqueira agradece mais ainda! Não esqueça que os impactos gerados à natureza uma hora acabam voltando para nós mesmos. Faça sua parte!

 

Veja fotos do incrível fotógrafo Gabriel Tarso feitas na Serra da Mantiqueira:

 

Esse texto foi escrito pelo parceiro Tiago, do projeto Fé no Pé. Quer conhecer mais empreitadas do grupo? Acesse: http://www.fenope.com.br/ e siga no Facebook: https://www.facebook.com/blogfenope/

Compartilhar no Facebook

2 Comments

  1. José Augusto Nunes - GUTO GUIA disse:

    Parabéns pela matéria, ficou ótima!!!

    Gostaria por gentileza de lhe pedir para colocar os créditos na primeira foto em que mostra o lixo recolhido no Capim Amarelo, na ocasião quem fez o trabalho de recolher esse lixo todo, fui eu também!!!

    Grato pela atenção!!!

    Abraço GUTO GUIA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *