Salkantay Trek: Um caminho surpreendente a Machu Picchu

machu picchu, montanhismo, trekking, salkantay trey, trilha, cidade perdida dos Incas
Foto: Marcelo Rabelo

A Salkantay Trek é uma excelente opção para aqueles que preferem ir pelos “caminhos menos trilhados” e detestam planejar viagens com muita antecedência. Em comparação com a trilha clássica, ela é maior e mais intensa, porém contém paisagens e experiências que valeriam a pena mesmo se não houvesse no final a famosa cidade perdida dos Incas (cuja fama não decepciona em nada).

machu picchu, montanhismo, trekking, trilha, cusco, sítio arqueológico de quillarumiyoc
Foto: Marcelo Rabelo

A viagem começa em Cusco, ali já começamos a imersão na história do povo Inca, o que só se intensifica no percurso. Ainda próximo da cidade, conseguimos visitar o sítio arqueológico de Quillarumiyoc, onde ficava o templo de adoração à Lua, uma das mais importantes divindades incas e a representação do feminino no universo. Eles atribuíam a ela o governo das marés, como a fertilidade, o crescimento das plantas e entre outras coisas. Há, até hoje, quem vá até o lugar para se banhar em sua atmosfera mística.

machu picchu, montanhismo, trekking,trilha, laguna humantay, lagoa
Foto: Marcelo Rabelo

Já um dia caminhando pela trilha, chegamos à Laguma Humantay, que possui uma das vistas mais marcantes da viagem. A lagoa tem um dos tons de azul mais bonitos que já vi na natureza. Sua água vem do degelo das geleiras das montanhas da região, que adicionam um background incrível à paisagem.

machu picchu, montanhismo, trilha, trekking
Foto: Marcelo Rabelo

E falando em montanhas, um fator muito interessante nesse percurso é sua variedade de altitudes. Em poucos dias passamos por altitudes que vão desde 3400, em Cusco, um pico de 4626m no meio da trilha (um dos pontos de trekking mais intenso), até chegar a Machu Picchu a 2430m.

machu picchu, montanhismo, trekking,trilha, centros urbanos, yanapana, hora comunitária
Foto: Marcelo Rabelo

Mesmo com esse relevo acidentado e altitudes elevadas, há diversos povoados na região e o trabalho com eles foi um dos objetivos de nossa viagem. Essas populações vivem em locais isolados dos centros urbanos e, por esse fato, eles acabam tendo dificuldades de acesso a serviços básicos, como atendimento médico e coleta de lixo. E devido a isso, realizamos um trabalho com a associação local, a Yanapana, que foi distribuir materiais escolares e ensinar um pouco sobre cuidados com a saúde.

machu picchu, montanhismo, trekking, trilha, cordilheira dos andes, montanhas de salkantay
Foto: Marcelo Rabelo

A Cordilheira dos Andes, da qual fazem parte as montanhas de Salkantay é um ambiente tão impressionante, que a maior floresta pluvial do mundo é em grande parte influenciada por ela e alguns de seus mais importantes rios nascem na montanha. Continuando a trilha, pelo Rio Santa Teresa e já sentindo os efeitos da proximidade com a Floresta Amazônica, com seu calor e umidade.

Sem dúvida, chegar a Machu Picchu é um dos momentos mais emocionantes. A cidade Inca perdida é linda nos seus diferentes ângulos e andar pelas ruínas da cidade é uma sensação inesquecível. É impossível não imaginar como aquelas pessoas viviam, como ergueram aquelas construções e o que teria sido esse povo, se ainda existisse.

machu picchu, montanhismo, trekking, trilha, cidade inca, natureza, povos andinos, cultura
Foto: Marcelo Rabelo

De modo geral, apesar de ter momentos de intensidade, a trilha está muito bem preparada para receber pessoas com todos os níveis de experiência e um pouco de preparo físico. É claro que há certa exigência, mas garanto que não é necessário ser atleta para completá-la. Acho a experiência de andar pela Machu Picchu muito especial e deve ser aproveitada ao máximo, seja no contato com a natureza, com a história dos povos andinos, com as pessoas e culturas que ainda habitam a montanha e, claro, pela ótima oportunidade de se desconectar.

machu picchu, montanhismo, trekking, trilha, spot x, trilha salkantay
Foto: Marcelo Rabelo

Por fim, a trilha se chama Salkantay por causa da montanha mais linda e mais imponente que avistamos nela. Na língua Quechua significa: Lugar Selvagem. E nisso eles acertaram. Lindo e selvagem, como eu e meu SPOT X gostamos…

Deixo aqui meus agradecimentos à MLP Mountain Lodges do Peru e Sul Hotels.

Compartilhar no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *